Frete Gratis a partir de R$299. Todo site até 10x s/ juros!

DEGENERAÇÃO MACULAR RELACIONADA À IDADE (DMRI): O QUE É, CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTOS!

DEGENERAÇÃO MACULAR RELACIONADA À IDADE (DMRI): O QUE É, CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTOS!

Degeneração Macular Relacionada à Idade: Entenda a Doença e Como Prevenir a Perda de Visão

A degeneração macular relacionada à idade (DMRI) é uma doença ocular que afeta a mácula, a área central da retina responsável pela visão central.

A DMRI é a principal causa de perda de visão irreversível em pessoas com idade mais avançada.

Entenda mais sobre essa doença, como evitar e tratar.

O que é a DMRI?

A Degeneração Maular é uma doença neurodegenerativa que causa danos aos fotoreceptores da mácula.

Os fotoreceptores são células responsáveis pela captação da luz e pela formação das imagens.

Quais são as causas da DMRI?

A causa exata da Degeneração Macular não é totalmente conhecida, mas acredita-se que seja uma combinação de fatores genéticos e ambientais.

Os fatores que podem aumentar o risco de Degeneração Macular Relacionada à Idade incluem:

  • Idade: o risco de DMRI aumenta com a idade.

  • Fumo: fumantes têm duas vezes mais chances de desenvolver DMRI do que não fumantes.

  • Exposição à luz solar: a exposição excessiva à luz solar pode aumentar o risco de DMRI.

  • História familiar: pessoas com histórico familiar de DMRI têm maior risco de desenvolver a doença.

  • Algumas anormalidades genéticas: algumas pessoas podem ter genes que aumentam o risco de DMRI.

  • Doença cardiovascular (como aterosclerose): a aterosclerose é uma condição que causa o acúmulo de placas nas artérias. Essas placas podem reduzir o fluxo sanguíneo para a mácula, o que pode contribuir para a sua degeneração.

  • Hipertensão arterial: a hipertensão arterial pode aumentar a pressão sobre os vasos sanguíneos da mácula, o que pode contribuir para a sua degeneração.

  • Obesidade: a obesidade pode aumentar o risco de DMRI, pois está associada a outros fatores de risco, como a hipertensão arterial e a diabetes.

  • Uma dieta pobre em ácidos graxos ômega 3 (por exemplo, em alguns tipos de peixe) e verduras de folhas verdes escuras: os ácidos graxos ômega 3 são importantes para a saúde da mácula. Uma dieta pobre nesses ácidos graxos pode contribuir para a degeneração da mácula.

Quais são os sintomas da DMRI?

Os sintomas da DMRI podem variar de acordo com o tipo da doença.

Os sintomas da DMRI seca incluem:

  • Visão embaçada no centro do campo de visão

  • Dificuldade em enxergar detalhes

  • Perda da visão central

Os sintomas da DMRI úmida incluem:

  • Visão embaçada ou distorcida no centro do campo de visão

  • Aparência de manchas ou linhas no centro do campo de visão

  • Visão central perdida repentinamente

DEGENERAÇÃO MACULAR REFERENTE À IDADE DMRI

Como é diagnosticada a DMRI?

O diagnóstico da DMRI é feito por um oftalmologista através de exames oculares, como:

  • Fundoscopia: um exame que permite ao médico visualizar a retina e a mácula.

  • Tomografia de coerência óptica (OCT): um exame que permite ao médico obter imagens detalhadas da retina e da mácula.

  • Angiografia fluoresceínica: um exame que permite ao médico visualizar os vasos sanguíneos da retina.

Como tratar a DMRI?

Infelizmente não existe cura para a DMRI, mas existem tratamentos que podem ajudar a retardar a progressão da doença.

O tratamento da DMRI depende do tipo da doença.

Tratamento da DMRI seca:

O tratamento da DMRI seca é feito com suplementos alimentares, como luteína e zeaxantina. Esses suplementos podem ajudar a proteger os fotoreceptores da mácula.

Tratamento da DMRI úmida:

O tratamento da DMRI úmida é feito com medicamentos injetáveis que bloqueiam o crescimento dos novos vasos sanguíneos. Esses medicamentos podem ajudar a preservar a visão central.

Como prevenir a DMRI?

Além de consultar regularmente um oftalmologista, existem algumas medidas que podem ajudar a prevenir a DMRI:

  • Ter uma alimentação saudável: uma dieta rica em frutas, vegetais, legumes e peixes pode ajudar a proteger a visão.

  • Manter o peso sob controle: a obesidade é um fator de risco para a DMRI.

  • Exercitar-se regularmente: a atividade física ajuda a melhorar a circulação sanguínea, o que pode proteger a visão.

  • Evitar a exposição excessiva à luz solar: a exposição excessiva à luz solar pode danificar os olhos, incluindo a mácula.

  • Parar de fumar: o tabagismo é um fator de risco para a DMRI.

  • Usar óculos de sol com proteção UV: os óculos de sol com proteção UV ajudam a proteger os olhos dos raios ultravioleta, que podem danificar a mácula.

Portanto, a DMRI é uma doença ocular grave que pode levar à perda de visão. É importante consultar um oftalmologista regularmente para realizar exames oculares e detectar a DMRI precocemente.

 

DEGENERAÇÃO MACULAR REFERENTE À IDADE DMRI

 

Que tal aproveitar para conhecer outros assuntos importantes relativos á visão? Os posts abaixo são muito interessantes.

- MOSCAS VOLANTES NA VISÃO: O QUE SÃO E COMO LIDAR COM ELAS?

- VITAMINAS: AS ALIADAS NA PROTEÇÃO DA SUA VISÃO!

- OLHOS LACRIMEJANDO: O QUE É, QUAIS AS CAUSAS E TRATAMENTO?

- PRESSÃO NO OLHO: A PREVENÇÃO É A MELHOR AMIGA DA SUA VISÃO!

 

Fontes:

MSD Manuals

Albert Einstein

 

GOSTOU DAS DICAS? 

SE SIM, COMPARTILHE COM QUEM TEM ESSAS MESMAS DÚVIDAS !

TOMARA QUE A GENTE TENHA CONSEGUIDO AJUDAR :)

CONTE COM A GENTE!

EQUIPE OKULOS =)



© 2023 - Okulos Comércio Varejista de Produtos Ópticos LTDA-ME. - CNPJ 22.096.391/0001-22 - Endereço da Sede Administrativa: Rua Ubaldino do Amaral, Centro - RJ - 20.231-016